Follow by Email

domingo, 27 de janeiro de 2013

santa maria, rogai por nós!


nem bem abri os olhos nessa manhã e já tive a notícia da tragédia em santa maria, no rio grande do sul. fiquei chocada. em princípio números de 245 mortos, depois 232, 233. seja ele qual for é um absurdo. lembram do acidente aéreo da gol? 154 pessoas morreram. catástrofe. tragédia. hoje foram duzentas e tantas pessoas. adolescentes. é de chocar qualquer ser humano. e por que morreram? não quero aqui cometer nenhuma injustiça, não estou no local, não estou com todas as informações mas pelo que pude ler na imprensa, meus colegas jornalistas falam em um show de pirotecnia no palco que teria causado o tal incêndio. também li entrevistas e depoimentos de que os seguranças da boate não queriam deixar as pessoas sairem porque pensaram que fosse uma briga.
essa história de pirotecnia dentro de uma boate, vamos e convenhamos, ideia de quem pelamordedeus? será que não tinha um ser humano que pudesse pensar que não ia dar certo? eu já sou veemente contra fogos de artifício, por causa dos cachorros e gatos que se assustam, por causa das crianças que choram, por causa dos imbecis que se machucam soltando as porras dos rojões. acho o ó. e ai uma pessoa decide soltar um sinalizador ou que quer que seja dentro de uma casa fechada. tava pensando o quê?
além dessa ignorância temos uma casa noturna com uma saída apenas. UMA. como assim? não deveria ter todo um sistema de segurança? saídas de emergência pelo menos? não precisa disso pra ter alvará de funcionamento? alguém leva sempre um por fora para fazer vista grossa, até que acontece uma merda, ai aparecem trezetas mil autoridades para dar explicações. tinha que ter visto isso antes!!!
agora o fim da picada mesmo foi a atitude dos seguranças. mesmo que fosse uma briga, mesmo que fosse porrada, as pessoas estavam em pânico. como assim não deixa sair sem pagar? se as pessoas estão em pânico quem vai pensar em pagar conta? mesmo que fosse um extraordinário, surpreendente e surreal golpe coletivo combinado entre todas as mil pessoas (ou duas mil) que estavam lá dentro para não pagar uma comanda, eles não poderiam ter feito isso. uma multidão desesperada é certeza de que alguém vai cair e ser pisoteado. não precisa ter meio neurônio pra saber disso.
no youtube pipocam imagens da cena horrorosa, pessoas no chão... não tive coragem de ver. não hoje, não agora. dizem que muita gente confundiu a porta do banheiro com a porta de saída e que muitos corpos foram encontrados nos banheiros. eu não quero e nem consigo imaginar o que se passou na cabeça dessas pessoas. o pânico, o medo. eles não morreram queimados. eles morreram sufocados. também não consigo mensurar a dor dos pais. dizem que entre os celulares encontrados havia um com 104 chamadas de uma mãe para uma filha que não voltou para casa. telefones dos mortos tocavam sem que ninguém atendesse. tenho amigos, parentes que moram em santa maria. estão bem. quer dizer, estão vivos. bem acho que ninguém está num dia como hoje. é inacreditável que isso tenha acontecido por causa de ignorância e ambição. o ser humano realmente me envergonha. eu acordei com a ideia de escrever um dos meus contos de terror, mas acho que ficção nenhuma vai superar a realidade do horror vivido por essas pessoas nessa madrugada. que deus dê conforto a todos. santa maria, rogai por nós.

      

Nenhum comentário:

Postar um comentário